Maternidade do Bairro Novo

Postado em Maternidade do Bairro Novo

A Maternidade do Bairro Novo é uma unidade do município de Curitiba sob gerenciamento da Fundação Estatal de Atenção Especializada em Saúde de Curitiba (Feaes) desde março de 2013. É voltada a gestantes de baixo risco, ou seja, sem complicações durante a gravidez, e presta serviços exclusivamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Localizada no bairro Sítio Cercado, atende preferencialmente moradoras da região sul da cidade e realiza em média 200 partos por mês. Segue as diretrizes do Ministério da Saúde priorizando o parto normal, que é mais seguro e proporciona uma recuperação mais rápida para a mulher.

Possui 43 leitos de alojamento conjunto, um dos itens previstos nos Dez Passos para o Sucesso do Aleitamento Materno e na Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC). Idealizada pela OMS e pelo Unicef, a iniciativa tem o objetivo de mobilizar equipes de saúde para incentivar condutas e rotinas que evitem o desmame precoce. Entre elas, ajudar a mãe a iniciar a amamentação na primeira meia hora após o parto e manter a equipe treinada. A maternidade está veiculada à IHAC desde 1998.

Seguindo as diretrizes do Ministério da Saúde da triagem neonatal, a maternidade realiza o Teste do Pezinho podendo identificar precocemente doenças como hipotireoidismo congênito, fenilcetonúria e fibrose cística. Elas não apresentam sinais ou sintomas logo após o nascimento mas, se diagnosticadas rapidamente, podem ser tratadas para evitar o surgimento de sequelas graves e até o óbito.

Também nas primeiras horas de vida do recém-nascido são feitos o Teste da Orelhinha (Triagem Auditiva Neonatal) para detectar problemas de audição e o Teste do Coraçãozinho, que identifica problemas nas funções ou estrutura do coração.

O serviço atua com a humanização no parto, acolhendo a gestante, sendo ágil e resolutiva no cuidado, entre outros objetivos previstos no programa nacional. Neste sentido, a maternidade estabeleceu como rotina a visita específica dos irmãozinhos do recém-nascido para apoiar os vínculos afetivos familiares e contribuir para a recuperação da mãe e do bebê.

Além dos partos, a maternidade realiza exames de ecografia agendados pelas Unidades Básicas de Saúde.